Toyota C-HR 2024: A Novidade Eletrificada Chega com Versão Híbrida Plug-in

Continua após a publicidade..

A Toyota está no segmento dos SUVs compactos há um tempo com um modelo que nunca chegou ao Brasil: o C-HR. Apesar do design diferente, ele foi descartado para o Brasil por conta de seu espaço interno. Fora do país, ainda faz sucesso e acaba de ganhar a sua segunda geração, bem diferente mas sem perder o estilo descolado. Foi desenvolvido pensando no mercado europeu, onde será produzido.

Conteúdo deste artigo

Design e Estilo

Segundo a fabricante, o C-HR 2024 é um "super cupê", destacado pela pintura em dois tons e as rodas de 20 polegadas. Seu estilo é bem semelhante ao do Prius, com os faróis em forma de gancho, deixando a iluminação diurna na parte superior e as luzes principais na parte de baixo. A traseira adotou uma lanterna formada por uma linha atravessando toda a tampa do porta-malas.

A Toyota fez um esforço extra para reduzir as vãos das tampas do capô e do por-tamalas, além de integrar melhor as câmeras, os sensores e os lavadores de faróis para dar à carroceria uma aparência mais suave e um design mais limpo com aerodinâmica aprimorada. Em termos de dimensões, o novo modelo tem 4.360 milímetros de comprimento, 1.830 mm de largura e 1.558 mm ou 1.564 mm de altura, dependendo da versão. O entre-eixos mede 2.640 mm e a marca não mostrou o quanto isso afeta o espaço no interior.

Continua após a publicidade..

Interior e Tecnologia

Entre na cabine e você notará um painel de instrumentos totalmente digital de 12,3 polegadas acompanhado por uma tela sensível ao toque do mesmo tamanho. As versões mais sofisticadas também recebem um head-up display, iluminação ambiente de 64 cores, um teto panorâmico e um sistema de som JBL. Ao contrário de outras marcas, a Toyota não está disposta a abrir mão dos botões para funções usadas com frequência, embora as telas continuem ficando maiores a cada geração de um novo carro. Os detalhes em vermelho e o emblema GR pertencem ao novo GR Sport Premiere Edition com toques esportivos por dentro e por fora.

Motorização e Desempenho

Como esperado, o novo C-HR estará disponível na Europa exclusivamente com motorização híbrida. Serão dois sistemas, um 1.8 com um híbrido convencional; e um 2.0, que pode ser HEV ou híbrido plug-in, com a possibilidade de ganhar tração integral por um custo extra. Em termos de potência, o 1.8 entrega um total de 140 cv, enquanto o 2.0 gera 198 cv na configuração HEV e 223 cv na PHEV.

A Toyota não falou sobre a economia de combustível, mas revelou alguns dados de desempenho. A versão com motor 1.8 acelera de 0 a 100 km/h em 9,9 segundos e tem velocidade máxima de 100 km/h. O modelo 2.0 com tração integral 8,1 segundos para chegar a 100 km/h, ou 7,9 segundos se você optar pela variante de tração integral. A velocidade máxima é igual para os dois, alcançando os 180 km/h. Quanto ao PHEV, ele completa a aceleração até 100 km/h em 7,4 segundos e pode atingir 180 km/h. Com a bateria carregada, você poderá percorrer 66 quilômetros somente com a energia elétrica.

Continua após a publicidade..

Disponibilidade e Conclusão

A Toyota já está aceitando reservas on-line na Europa, onde o GR Sport Premiere Edition que mencionamos anteriormente é acompanhado por um High Premiere Edition com seu próprio subconjunto de recursos normalmente encontrados nas versões de ponta. Embora o modelo de primeira geração tenha sido vendido na Argentina, o SUV compacto nunca chegou ao Brasil e isto não deve mudar na nova geração.

Veja outros artigos parecidos com Toyota C-HR 2024: A Novidade Eletrificada Chega com Versão Híbrida Plug-in veja todos os conteúdos da nossa categoria Notícias.

AutoCar

Veja também